Notícias : Uma mãe dá à luz um “bebé sereia”

Uma mãe dá à luz um “bebé sereia”

Os médicos não conseguiram determinar se era menino ou menina.

Publicado por Luso Noticia em Notícias
Partilhar no Facebook
705 705 Partilhas

Muskura Bibi, 23, deu à luz auma "sereia bebé" na manhã de quarta-feira no hospital Chittaranjan Deva Sadan, em Calcutá, na Índia.

Infelizmente, a criança morreu quatro horas depois.

O bebé não recebeu um nome e os médicos não conseguiram determinar se era  menino ou  menina por causa das suas pernas coladas e sua pelve subdesenvolvida.

Muskura não teve nenhuma ecografia durante a gravidez porque não tinha dinheiro. Ela só soube sobre a saúde do bebé quando o viu.

"Os pais são trabalhadores e não procuraram os medicamentos adequados durante a gravidez devido à falta de dinheiro. A falta de nutrição e a fraca circulação sanguínea do bebé na mãe podem criar este tipo de anormalidade ", diz o pediatra Sudip Saha.

Esta é a segunda vez na história que uma "sereia bebé" nasceu na Índia. Sirenomelia (ou síndrome da sereia) é uma doença rara que afeta cerca de uma em cada 100.000 crianças. Ela é caracterizada pela fusão dos membros inferiores, dando a aparência de uma cauda de peixe. As causas exatas desta doença são desconhecidas, mas podem ser genéticas.

Em 2016, uma mãe de Uttar Pradeash deu à luz uma "sereia bebé" na Índia, mas esta morreu 10 minutos depois.

Nenhuma "sereia bebé" sobreviveu até hoje.

Partilhar no Facebook
705 705 Partilhas

Fonte: ayoyemonde · Crédito foto: ayoyemonde

Goste/partilhe