Notícias : ​Este assassino em série descobre que foi condenado à morte, mas é a sua reação que choca o tribunal inteiro.

​Este assassino em série descobre que foi condenado à morte, mas é a sua reação que choca o tribunal inteiro.

Uma reação que gela o sangue ...

Publicado por Luso Noticia em Notícias
Partilhar no Facebook
315 315 Partilhas

Nikko Jenkins é um serial killer de 30 anos preso por matar quatro pessoas nos estados de Omaha e Nebraska em 2013. Psicopata, obviamente, o homem também cortou o próprio pénis e tatuou 666 no crânio.

O assassino queria usar o argumento de loucura para uma sentença menos pesada de prisão. No entanto, vários psiquiatras indicam que o homem fingia ser louco para sair cedo da prisão.

Depois de servir uma sentença de prisão de 10 anos em 2013 por roubo de carro e assalto, Nikko Jenkins matou 4 pessoas logo após a sua libertação. Entre elas, Andrea Kruger, uma mulher que chegva a a casa do trabalho w que Nikko Jenkins baleou 4 vezes antes de lhe roubar o carro.

Condição mental adiou a sentença

A sentença foi adiada por anos devido a preocupações em torno de sua condição de saúde. Um psiquiatra de defesa disse que ele sofria de esquizofrenia, bem como de um transtorno bipolar. O assassino dizia também que agia sob os comandos de voz de um deus da serpente, mas os psiquiatras tinham dúvidas se ele era ou não um verdadeiro esquizofrênico.

Depois de vários exames e de Jenkins ser analisado por diferentes psiquiatras, ele foi considerado competente o suficiente para ser julgado. Quando o criminoso recebeu a pena de morte, o juiz Peter Bataillon disse que a decisão levou em consideração sua história violenta, bem como sua falta de remorso. O juiz disse que cada um dos assassinatos foi um ataque deliberado e planejado. 

O juiz disse que "todos os ataques foram deliberados" e "estes estão entre os assassinatos mais violentos que já ocorreram no estado de Nebraska."

Nikko Jenkins foi condenado à morte pelo juiz Peter Bataillon. Isso marca a primeira sentença de morte no Estado de Nebraska desde há 20 anos, mas o mais preocupante de tudo isto foi a reação que ele teve quando soube que foi condenado. Na verdade, ele não teve qualquer reação e permaneceu impassível, como se nada tivesse acontecido. 

Aqui está um vídeo onde você ver a sua reação:

Partilhar no Facebook
315 315 Partilhas

Fonte: ayoyemonde · Crédito foto: ayoyemonde

Goste/partilhe